Competências socioemocionais

Primeiro, o que entendemos por competência

Compartilhando das definições apresentadas por Zabala e Arnau (2010), qualquer conteúdo de aprendizagem ou é conceitual (saber), ou é procedimental (saber fazer), ou é atitudinal (ser). Desta forma, competência é a capacidade ou a habilidade para realizar tarefas, atuar frente a situações diversas de forma eficaz, em um determinado contexto, a fim de resolver problemas reais utilizando os recursos disponíveis.

O objetivo de uma educação esportiva baseada em competências é a formação integral, justa e para toda a vida.

Foto: Retha Ferguson

As cinco macrocompetências socioemocionais

Considerando que o desenvolvimento socioemocional por meio de práticas esportivas e da educação física deve abarcar o âmbito social, emocional e cognitivo dos indivíduos, o Instituto Esporte Mais adota um modelo de 5 macrocompetências: Autoconhecimento, Autogerenciamento, Tomada de decisão responsável, Consciência social e Relacionamento interpessoal, inspirado nas experiências do CASEL (sigla de Espaço Colaborativo para a Aprendizagem Acadêmica e Socioemocional) e do método pedagógico Treino Social.

Autoconhecimento

Inclui a habilidade de identificar as próprias emoções e sentimentos, ter boa autoestima e autoconfiança e reconhecer as próprias virtudes.

Autogerenciamento

Inclui a habilidade de controlar os próprios impulsos, estabelecer metas, motivar a si mesmo, ter disciplina e possuir habilidades organizacionais, como planejar e gerenciar o tempo.

Tomada de decisão responsável

Inclui a habilidade de analisar e resolver problemas, ser assertivo, agir com integridade, responsabilidade e liderança.

Consciência social

Inclui a habilidade de ter empatia, respeitar as diferenças, ampliar as perspectivas de mundo e ser solidário.

Relacionamento interpessoal

Inclui a habilidade de construir relacionamentos saudáveis, ter boa comunicação, confiar nos outros e trabalhar em equipe.

Envie sua dúvida ou sugestão:

contato@esportemais.org